Amigos de Artes na Passarela

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Luva sem dedos simples


Luvas sem dedo são úteis para manter a maior parte da mão aquecida e ainda deixar os dedos livres para movimentar.
 Como os dedos doem ao teclar no inverno.
Essa luva é muito fácil de fazer, as medidas são tiradas de acordo com o tamanho das mãos que vão usar. Faz-se um quadrado em ponto meia, com detalhes em cordões de tricô onde o dedo polegar vai ficar de fora, e costura na lateral.




quarta-feira, 20 de maio de 2015

Chaveiros

Chaveiro de crochê, de aparência diferente facilita muito na hora de encontrar suas chaves dentro da bolsa.
Esse modelo de chaveiro facilita guardar suas chaves, pois elas ficam escondidas e evita riscar móveis, o carro  e outros locais.
Chaveiros, podemos ter vários, um com as chaves de casa, outro com as chaves de acesso ao ambiente de trabalho (para quem tem permissão), outro para a casa da sua mãe, vó, sogra etc...
De cores diferentes facilitam a identificação das chaves e do dono do chaveiro, pois cada membro da família pode ter o seu.
Encomende o seu:

Comprar este produto



domingo, 17 de maio de 2015

ENQUETE SOBRE CROCHÊ

Hoje estou compartilhando uma pesquisa sobre peças em crochê. Agradeço a todas as leitoras que puderem responder, e se possível compartilhar para atingir um número considerável de pessoas.

Então vamos lá... é só clicar Aqui para responder




quarta-feira, 13 de maio de 2015

Gola de crochê retrô


Peça delicada e feminina com um toque retrô, muda o estilo de qualquer visual. 
 Podem ser usadas como gola avulsa sobre batas, blusas, vestidos, camisas. Ou anexadas (costuradas) nas golas de camisas, vestidos e camisolas. 
Esse modelo de pala também poderá ser aplicado em vestidos ou blusinhas no tecido de algodão com estampas florais ou mesmo em uma única cor com modelos mais ajustados ao corpo. 

Para encomendar:

Comprar este produto



quarta-feira, 6 de maio de 2015

Laranja em ponto cruz e laranja como fonte de vitamina C

Curiosidades sobre a laranja: Segundo a Wikipedia, A história da laranja inicia-se na Índia, onde era conhecida pelo nome nareng. Da Índia este fruto espalhou-se pela restante da Ásia, passando a denominar-se narang, nome que foi dado a uma cidade paquistanesa, situada na província de Punjab.
Um dos primeiros locais da Europa onde se iniciou o cultivo da laranja na França, tendo os franceses adaptado o nome narang para orange. Foi com este nome que a laranja veio a ser associada em algumas culturas à cor do ouro. A palavra or, em francês, significa ouro.
Na Ásia e Médio Oriente, onde era conhecida, a laranjeira assumia-se como árvore ornamental e dotada de características extraordinárias. Era muito comum nos pátios das casas árabes abastadas, geralmente associada a uma fonte ou a um lago.
A cor de laranja encontra-se ligada ao fruto do mesmo nome e, em tempos antigos, eram ambos considerados exóticos
E pra encerrar o post que tal um suco de laranja? Afinal a laranja é conhecida como fonte de vitamina C e a forma mais eficiente de se beneficiar de todos os nutrientes da laranja é consumi-la fresca ou tomar seu suco.

Fonte do Texto e das fotos: Busca no Google.