Amigos de Artes na Passarela

segunda-feira, 4 de junho de 2018

Blusa com ponto salpicado simples

Não sei se acontece com outras arteiras, mas quando o preço do fio é mais em conta, a indecisão na escolha do modelo de blusa para tricotar é maior, pois se o fio ficar danificado o prejuízo não será tanto. Então aquele faz e desfaz que comentei em post anteriores é mais frequente.

A blusa do post de hoje teve o modelo decidido, iniciado e terminado sem desmanchar nada. E tem motivos é claro, o custo de cada novelo foi mais "salgadinho" e a fragilidade do fio, cuja composição não permite desmanchar sem danificar ou transformar a peça num trabalho feio e peludo.

Apesar de não ter sido desmanchada ela não foi confeccionada em um único inverno. No ano em que o fio foi comprado ele foi pra sacolinha e nos invernos seguintes tricotados as partes (dessa vez deixei anotado o número da agulha que estava usando) e acabou esbarrando na parte chata de montar a blusa e voltou pra sacolinha de novo.


Outro inverno chegou (2013) e precisava de uma blusa nova, todas precisamos não é mesmo? E a maneira mais rápida e econômica foi resgatar a sacolinha para a costura e acabamento.


A blusa já foi usada antes de ser fotografada, tem lã na composição e é bem quentinha. O ponto utilizado foi o "Salpicado simples", bem básico e dá um efeito delicado na peça.


Resgatei o rascunho esquecido da postagem agora em 2018 e decidi que ele deveria ser publicado, afinal são 5 anos esquecido. A blusa continua aquecendo os invernos que chegam por aqui, frio intenso por uma semana e depois só no ano seguinte.